Cuidados no frio: confira dicas de saúde para as baixas temperaturas



O Hospital do Coração de Londrina oferece aos seus pacientes um serviço de saúde hospitalar que alia tecnologia de ponta ao cuidado eficiente. Em estações com temperaturas mais baixas, como o outono e o inverno, os hospitais e centros clínicos costumam ficar mais cheios.

 

Por isso, separamos algumas informações e dicas importantes para manter a saúde em dia e, caso necessário, compreender quando um caso requer uma ida presencial ao hospital.

 

O que fazer para cuidar da saúde

 

Com a mudança brusca de temperatura, deve-se ter cuidado com a saúde para evitar doenças típicas do inverno. Entre as dicas, evitar janelas totalmente fechadas, estar bem agasalhado e manter uma alimentação balanceada são algumas das formas de evitar doenças.

 

https://www.gndi.com.br/saude/blog-da-saude/inicio-do-inverno

 

Doenças respiratórias no inverno

 

O vento gelado e a falta de chuva contribuem para o crescimento das crises de doenças respiratórias. Por isso, alguns cuidados em casa podem ajudar a reduzir os casos de alergias e crises do trato respiratório.

 

https://www.gndi.com.br/saude/blog-da-saude/como-amenizar-doencas-respiratorias-no-inverno

 

 

Frutas saudáveis no frio

Existem frutas típicas do outono e inverno que são ricas em vitaminas e minerais, ajudando a fortalecer o sistema imunológico durante a estação. Entre elas, estão o abacate, abóbora, laranja, mamão e morango.

 

https://www.gndi.com.br/as-frutas-do-inverno-podem-ajudar-a-sua-saude

 

Cuidados ao praticar exercícios no frio

No frio, o corpo queima mais calorias para se aquecer. Paralelamente, porém, as chances de lesões nos músculos aumentam, pois o frio diminui o processo circulatório. Por isso, cuidados como alongamento, roupas apropriadas e até mesmo protetor solar ajudam a preservar a saúde ao se exercitar no frio.

 

https://www.gndi.com.br/saude/blog-da-saude/dicas-exercicios-ao-ar-livre

 

Quando utilizar o pronto atendimento?

Por fim, fica a dúvida nos beneficiários: quando é necessário ir ao pronto-atendimento, uma vez que o outono e o inverno são estações em que há uma alta nos atendimentos? Além de muitos casos não serem considerados urgências, os riscos de se contrair alguma doença infectocontagiosa em espaços fechados é maior.

 

Entenda o que são casos de emergência e urgência:

https://gndisul.com.br/perguntas-frequentes